terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Fazenda do Tourinhos vai ser obrigada a permitir que estrada que liga aos Morros e Marcos passe por ela



Por Emanuel Neri
Quem mora em São Miguel do Gostoso, sabe das dificuldades que o ex-prefeito Miguel Teixeira teve para concluir a estrada que liga a praia de Tourinhos (foto) aos distritos dos Morros e à Praia do Marcos, no extremo norte do município.
O proprietário de uma fazenda do Tourinhos não permitiu que a estrada cortasse suas terras. A estrada correria numa linha reta, sempre próxima ao mar, e encurtava em vários quilômetros o trajeto para quem vem daqueles distritos para a cidade, beneficiando os moradores da região. 
Diante de tamanha resistência do italiano que é proprietário da fazenda, o prefeito passou a estrada diante da sua fazenda. Ocorre que o traçado da estrada ficou muito próximo ao limite de desovas de tartarugas, contrariando a lei ambiental do pais.
Pois agora o tiro vai sair pela culatra. O proprietário desta fazenda em Tourinhos vai ser obrigado a ceder parte de suas terras para que a estrada seja refeita, sem que haja ameaça às tartarugas. A Justiça obrigará que esta estrada tenha novo traçado.
O Idema, o órgão ambiental do Rio Grande do Norte, e o DER (Departamento de Estradas e Rodagem) já estiveram em Tourinhos para definir o novo traçado da estrada. A UFRN vai dar consultoria para que este novo traçado seja definido.
O traçado desta estrada está dentro do que é chamado Zoneamento Ecológico Econômico do Litoral Setentrional do Rio Grande do Norte, que é coordenador pelo Idema. São Miguel do Gostoso está inserido nesta área de proteção ambiental.
Por causa disso, o proprietário desta fazenda de Tourinhos vai ser obrigado a abrir caminho para a nova estrada. A legislação brasileira garante a liberação destas terras, que passa por áreas alagadiças e dunas – de responsabilidade da União.
Fica, no caso desta estrada, o mau exemplo de proprietários de terras que não querem ceder parte de seus imóveis –por menor que seja - para que haja benefícios da população. No caso de Tourinhos, há um tremendo egoísmo deste dono de terras da região.
E olhem que se trata de estrangeiros que são proprietários destas terras. É importante que pessoas de outros países também respeitem as leis vigentes no Brasil. Se assim for feito, não haverá conflito entre proprietários de terras - estrangeiros ou brasileiros - e as leis do pais.
Ainda bem que o Brasil está mudando. Nos últimos anos, o governo limitou a compra, por estrangeiros ou empresas do exterior, de grandes áreas de terras no país. As terras de Tourinhos foram compradas há muito tempo. Se há leis, é parra serem respeitadas. 
A população mais antiga de São Miguel do Gostoso sabe muito bem dos problemas que a população nativa daquela praia enfrentou. Estes estrangeiros compraram as terras a preços de banana, e depois expulsaram nativos que queriam permanecer ali.
Mais cedo ou mais tarde, toda a história da venda destas terras de Tourinhos – inclusive problemas mais graves que ocorreram – pode vir à tona.

52 comentários:

  1. Se o sujeito comprou as terras, ele não expulsou ninguém! Muito pior fez um certo cidadão no passado que se apropriava de terras dos outro em troca de uma carona no caminhão para ir a Touros ou Natal. O Fato é que, gostando ou não, Tourinhos só se manteve preservada até hoje por causa da fazenda. Vejam que foi só abrir a estrada para que a "farofada" tomasse conta da praia. Hoje a Tourinhos está sendo poluída, as barracas instaladas não possuem a menor condição de higiene e por onde se passa é possível ver lixo espalhado. Além disso, nunca houve qualquer impedimento de acesso à praia por parte do proprietário da fazenda, apenas se manteve o caminho que toda vida existiu, que era tanto pela beira mar, seguindo-se sobre as falésias, quanto sobre as dunas após o Reduto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falou e disse Gustavo ... hoje ta a maior bagunça no tourinhos , antes era paz ...

      Excluir
    2. O jornalista blogueiro, faz uma colocação sobre a matéria confrontante,podendo gerar até problemas de violência isso pode ser desastroso, teria ele, ser ponderante, a tal Italiano tem um nome, deveria ser citado pelo nome, e proprietário da fazendo com seus direitos, deveria o jornalista se dirigir a pessoa com respeito.

      Excluir
    3. "Deveria o jornalista se dirigir a pessoa com respeito". Será que ele sabe o que é isso? Pelas matérias que já li neste blog, parece que não...

      Excluir
    4. Nao era permitido mesmo que qualquer pessoa morasse na praia do tourinho,lembro-me bem que eramos os unicos moradores de la eu meu pai,minha mae e mas 7 irmaos a humilde casa q moravamos foi toda cercada pelos italianos meu pai nao podia mas ir a praia pescar dar o sustento dos filhos pois eles colocaram capangas a cavalos na praia ou entao com cachorros enormes andavam pelados e sem falar que a noite a bala comia no centro ate que meu pai por medo que acontecesse algo pior resolveu ir embora.hoje frequento a praia do tourinho pois tenho dois irmaos que hoje trabalham la,sempre vou la lembro-me do sufoco que minha familia passou,dizem que a praia é suja se é suja nao pelos barraqueiros e sim por q infelizmente a praia é ftequentada tbm por pessoas enguinorantes e mal educadadas pois tem lixeira sim pra por o lixo,na verdade o que falta é o apoio da prefeitura para ajudar os barraqueiros pois recebe visitas dos nativos e tbm de mtos turistas.

      Excluir
  2. è pra vim atona mesmo, inclusive o caso de homicídio que teve naquela praia, que eles vaziam de conta que era particular, eles nunca quiseram que ninguém passasse nem lá na praia, dai aconteceu que um dia os rapazes do distrito do reduto foram para praia jogar ´futebol, e aconteceu uma coisa horrível, como todos os nativos de toda a cidade e distrito de são miguel do gostoso, sabem desse acontecido, essa confusão que eles fizeram sobre a estrada, dizendo que era para a desova das tartarugas, quem conhece a historia daqueles moradores da praia do tourinho, sabe que essa não é a verdade, então essa ação da policia federal foi ótima,

    ResponderExcluir
  3. Não gostei da parte quando você Emanoel diz "ESTRANGEIRO" mais uma vez mostra o seu perconceito, o qual nos tem vindo habituar infelizmente. Não se esqueça que 80% dos seus clientes são esses que você chama de "ESTRANGEIRO" devia ter mais atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EMANOEL ,foi por ser estrangeiro que vc impediu q a obra do santo cristo fosse concluida foi por isso as varias reuniões com os poderosos de touros para impedir a coclusão da quela obra, vc fala tanto sobre desemprego vc acha q na sua pousada acabaria o desmprego de são miguel do gostoso,rn?....

      Excluir
  4. É necessário afirmar que é uma tristeza o Tourinho está assim, desorganizado, acredito que o governo municipal pode melhorar isso, mas nós cidadãos temos que comtribuir, se existe mar, praia é para nós desfrutarmos, com conciência claro.

    ResponderExcluir
  5. Bom dia Emanuel,
    É uma boa noticia essa da abertura da estrada.
    Sempre leio as noticias aqui do seu blog, no entanto sua forma de escrever sob esse Italiano, me faz penssar que você tem algo contra ele e também contra outros estrangeiros que estão investindo ou já investiram em São Miguel do Gostoso.

    O que mais se ver andando pelas ruas de São Miguel do Gostoso é terrenos pra vender e casas, até quando você não está procurando chega alguém lhe oferecendo.

    No entento, se eu compro um um terreno,ele é meu.
    Então se ele comprou aquelas terras é porque alguém quiz vender, se foi a preço de banana como você diz, problema de quem vendeu.
    Por acaso ele colocou uma arma na cabeça do antigo proprietario para que ele vendesse a preço de banana?
    Você fala dos estrangeiros que compra terras, pelo menos eles pagaram o que os antigos donos pediam e ainda ficavam rindo , chamando os estrageiros de burros.
    E antes que as pessoas que se achavam as poderosos da cidade simplismente pegavam os terrenos dos "seus vizinhos e até mesmo familiares nativos"
    SE OS ESTRANGEIROS COMPRAM É POR QUE TEM BRASILEIROS VENDENDO,CABE MESMO AO GOVERNO COLOCAR REGRAS.
    NÃO FALE TAO MAL DOS ESTRANGEIROS EMANUEL, LEMBRE-SE QUE ELES DERAM UM GRANDE EMPURRAO NO DESENVOLVIMENTO DE GOSTOSO,AGORA AS AUTORIDADES TEM QUE FAZER SUA PARTE TAMBÉM.
    MUITOS BRASIEIROS TAMBÉM ACHA QUE GOSTOSO É TERRA DE NINGUEM, POR ISSO ESTÃO CORRENDO PRA IR.

    ResponderExcluir
  6. O estrangeiro comprou porque o brasileiro vendeu. Mea culpa para ambos os lados. O problema nosso aqui no Brasil são as leis. A lei é que vai dizer o que será feito e todos terão de cumpri-la. Porque temos uma difuculdade tão grande em aceitar as leis? Lei para tudo, jogar lixo na rua, som alto, carros na praia e muito mais. Quantos vão poder responder o que é a Contituição? O que são leis Federais, Estaduais e Munucipais? Se esse ou outros estrangeiros compraram terras aqui estão amparados pela lei e também deverão cumprir todas leis vigentes. Se o dono da fazenda dificultou até hoje a construção de uma estrada é porque ele se valeu da lei e pronto. Chega de assistencialismo e favor aqui ou ali. Vamos discutir a lei que impediu até hoje a estrada e não falarmos mal dele porque o que me Então para mim está claro. O problema de Tourinhos sempre foi a lei que não amparou o Municipio. E será a lei também quando as pessoa constroem barracas, jogam lixo, urinam em qualquer lugar e estão fazendo daquele paraiso um 'lugar sem lei'
    Vagner

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bem amigo, perfeito seus cometários, não adianta confrontar a pessoa do italiano (que tem nome) coma população de São Miguel ambos não merecem isso, e sim resolver as coisas na forma da lei, dialogando e resolvendo de forma civilizada. Ele tem o direito a propriedade, Emanuel, foi muito mal na forma como redigiu o assunto, nossa...

      Excluir
  7. Nunca ouvi falar que o proprietário da fazenda Tourinho quisesse empatar das pessoas fossem até aquela praia, se hoje existe uma estrada que maltrata a desova das tartarugas, a culpa foi do ex-Prefeito Miguel Teixeira, que sem planejamento nenhum fez a estrada, onde poderia ter antes procurado a justiça e ter feito a estrada fora da área de desova das tartarugas, sabe-se que alí moravam várias famílias, mas nunca ninguém ouviu falar que tivessem sido expulsos, e se muitos venderam suas casas para irem morar em outro lugar, porque alí não oferecia as mínimas condições de uma vida melhor, principalmente naquela época que tudo era muito difícil, mas que todos que moravam alí queriam uma qualidade de vida melhor onde principalmente seus filhos pudessem estudar ou arrumarem o que fazer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade, a estrada que foi feita por Miguel Teixeira, foi feita nas "coxas" ou seja, uma força de poder, ou seja na "marra" totalmente fora da lei, agora precisa ser removida, estão querendo achar um culpado, e vai sobrar pro ITALIANO, que nunca foi contra a construção da estrada no lugar certo.

      Excluir
    2. verdade amigos... esse caso do prefeito fazer estrada sem autorizaçao da lei, deveria leva essa denuncia ao planalto central...por abuso de poder!. e inregularidade da prefeitura.

      Excluir
  8. SOU FILHO DE REDUTO E CONHEÇO TODA A HISTÓRIA DESSA PRAIA, FUI CRIADO INDO TODOS DIAS PESCAR DE TRESMAIO E COMER AQUELA BOLACHA DE LEITE QUE DONA PEPE DE SEU LUIZ AVELINO FAZIA. MAIS DEVIDO ESTA CONDUTA DOS PROPRIETARIOS ITALIANOS TUDO NESSA PRAIA MUDOU. QUEM NÃO LEMBRA QUANDO OS DONOS CERCARAM A PRAIA DE TOURINHOS E OS MORADORES DE REDUTO SE REUNIRAM PEGARAM SUAS FOCES E CORTARAM A CERCA DE TOURINHOS ATÉ PERTO DE TABUA. SÓ ENTÃO ELES RESOLVERAM DEIXAR UM CORREDOR QUE DAVA ACESSO A PRAIA, NESTE MESMO ACESSO TINHA DOIS MATA BURRO (UM BURACO NA ENTRADA E OUTRO NA SAÍDA SENDO QUE COBERTO COM UMA GRADE DE FERRO. MAIS ANTES DESSE CORTE DA CERCA ELES TINHAM PROIBIDO A ENTREDA DE PESSOAS. ESTE MEU COMENTARIO PODE SER CONFIRMADO COM QUALQUER UM MORADOR DE REDUTO. ESSA NOTICIA FOI UMA DAS MAIS IMPORTANTE DOS ULTIMOS TEMPOS PARA MIM. POIS ESSE ITALIANOS SE ACHA JUNTOS COM FAMILIA DA MULHER DE UM DELES OS DONOS DO PEDAÇO. AGORA VAI ITALIANO CONTRA A FEDERAL.

    ResponderExcluir
  9. Já concluí uma coisa. A culpa é dos estrangeiros, dos forasteiros, invasores, paulistas, italianos. Eles acabaram com o sossego dos nativos, os expulsaram de suas terras e agora querem mandar na cidade e no Municipio, fazendo suas leis e impondo sua cultura aos nativos. Essa é a mentalidade do povo pobre que há bem pouco tempo, eu tenho 68 anos e conheço Gostoso há 30 anos e vi a miséria que muitos viviam sem perspectiva nenhuma e aí chegou o invasor. Será que o próximo a entrar na berlinda será o Sr. Adolfo, pernambucano dono de muitas fazendas à beira mar?
    Valdomiro

    ResponderExcluir
  10. SERÁ QUE VAI TER CORAGEM E ACEITAR A PUBLICAÇÃO?

    GUTTEMBERG LIMA

    ResponderExcluir
  11. Amigão, se houve alguma ilegalidade foi relativa ao Município de São Miguel ao construir aquela estrada desrespeitando a legislação Federal, pois se trata de terras da União, com um procedimento licitatório na modalidade Carta Convite, de forma errada, ainda por cima desrespeitando a legislação ambiental, em cima das desovas das tartarugas. Os proprietários ali da fazenda, poderão até ser obrigados a desapropriar (Não se chama ceder), mas para desapropriação da propriedade privada pelo município, deverá existir o interesse coletivo, e ainda assim a indenização pela área desapropriada, devendo ser pago o preço justo do valor venal do imóvel. O que ocorrre, é uma perseguição aos estrangeiros e brasileiros que são proprietários dali, algumas "lideranças" de São Miguel, querem a todo custo aquelas terras, por isso ficam se utilizando de artifícios e orquestrando desordem e discórdia entre moradores e os proprietários dali, que estão em seu pleno direito da propriedade. Espero sinceramente que saibam utilizar as palavras adequadas ao se referirem aos proprietários da Fazenda Ponta do Tourinho, do contrário eles poderão acionar as vias judiciais pelos abusos, injúrias, possíveis calúnias, difamação ou qualquer informação tendenciosa ou articulada com intuito de denegrir a imagem de qualquer um deles, que evitam ao máximo retribuir as intenções dos agentes principais dessas situações que querem criar.

    Atenciosamente
    Dr. Epaminondas Moabi Lima Obeid
    Advogado OAB/PE 33.637

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Emanuel Neri comenta. A respeito de comentários feitos sobre o post que trata da abertura de novo trecho da estrada Tourinhos/Morros/Marcos, gostaria de esclarecer os seguintes pontos.
      1)Não há dúvida de que as terras foram vendidas pelos antigos proprietários que viviam naquela praia. Não é isso que se está questionando. O que se questionou foi o fato de o atual proprietário destas terras ter criado dificuldades para que esta estrada passasse por sua propriedade. Outras fazendas da da região - na extensão da estrada, a estrada cortou mais de uma propriedade - não criaram o mesmos problemas criados pela referida fazenda do Tourinhos.
      2)Não há nenhuma injúria ou calúnia no referido texto. O que se fez foi relembrar que, mesmo estas terras tendo sido legalmente vendidas, alguns nativos que pretendiam ficar em ranchos na beira da praia foram expulsos. Isso é fato. Órgãos de desfesa de direitos humanos, incluindo a Pastoral da Terra, participaram ativamente do movimento em defesa destes moradores. Não se quer com isso estimular nenhum tipo de violência, apenas contextualizar o que de fato ocorrer naquela praia.
      3)A iniciativa de fazer um novo traçado para a estrada é do Idema, o órgão de desfesa do meio ambiente do Rio Grande do Norte, junto com outros órgãos do governo estadual e federal, como o DER e Secretaria do Patrimônio da União. O atual traçado da estrada - e só foi feito assim porque não houve acordo entre a Prefeitura de São Miguel do Gostoso e o proprietário de terras de Tourinhos - foi obrigado a passar muito próximo ao mar, o que criou problemas ambientais, principalmente em relação à desova de tartarugas.
      4)Por causa disso, o Ministério Público abriu processo para apurar responsabilidades e, agora, o Idema e o DER, além de outros órgãos - com o apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Norte - vão fazer novo traçado para a estrada, passando por dentro da referida fazenda. Segundo o idema, o novo traçado vai passar por terras que se caracrerizam como alagadiças e dunas, sendo, portanto, permitido à Uniao utilizá-las para fazer vias de acesso que beneficiem a população.

      Excluir
    2. Pelo que sei, se isso ocorrer, deverão ser indenizados de acordo com o valor venal do imóvel... e ninguém foi expulso das terras, apenas foram compradas, e existiam pessoas nelas irregularmente. Os que apoiam a ideia que os proprietários da Fazenda Ponta do Tourinhos são contra a população, são os mesmos que queriam ter as terras, ou apoiam quem queria tê-las.... Espero que esse comentário seja postado, já que outros 2 não foram. Os moradores da região que tem contato com os proprietários, são quase que unânimes em afirmar que eles não causam problemas, e muito pelo contrário, geram renda pra alguns nativos e preservam a praia, isso eu mesmo pude aferir, não foi ninguém que me contou.

      Excluir
    3. Não é verdade o que diz o advogado acima afirna. Ele diz ter enviado dois comentários que não foram publicados. Este cidadão nos enviou três comentários _ o primeiro foi publicado. O segundo não foi publicado devido ao forte cnteúdo leviano, com pesadas insinuações ao autor deste blog. Por ete motivo, o comentário foi devolvido ao senhor Moabi Obeid, pedindo para que ele moderasse suas ofensas. O terceiro comentário é este aí de cima - e foi publicado. Este blog dá espaço para críticas e defesas de pessoas que eventualmente não ficaram satisfeitas com o teor de algum post. E assim foi feito com este senhor - dois dos seus comentários foram divulgados. Mas não posso divulgar comentário com teor acusatório e improcedente, como foi o segundo que ele enviou para este blog - e devolvido para o mesmo, com resposta do autor deste blog.






      Excluir
    4. Rapaz, se eles forem contratar um advogado, espero, para o bem deles, que não seja você...
      Vai fazer umas aulas de português, cara.
      A gramática tá matando... kkkkkk

      Excluir
  12. É MUITA HIPOCRISIA MESMO, UNS PALHAÇOS QUE NÃO SABEM DA MISSA UM TERÇO VIM DAR UMA DE "SABE TUDO"... BORA DEIXAR DE PALHAÇADA E COMEÇAR A FALAR A VERDADE AI?

    SERÁ QUE TEM HOMEM PRA ISSO?

    UMA ESTRADA CONSTRUÍDA "ILEGALMENTE" DA FORMA QUE O CARA QUE SE ACHAVA QUE TINHA ALGUM PODER OU AUTORIDADE QUIS FAZER.
    TODOS ESTAVAM DE ACORDO QUE ESSA "BENDITA" ESTRADA FOSSE CORTANDO POR DENTRO DESDE O INICIO DESSE "PROJETO", QUE NINGUÉM NUNCA VIU.

    FORAM FEITAS MILHARES DE DENUNCIAS AO MINISTERIO PUBLICO FEDERAL, IDEMA, IBAMA, DER E NDS, MAS SÓ AGORA QUE O IDEMA E DER RESOLVERAM ME MEXER E COMEÇAR A PENSAR EM ALTERAR O TRAJETO DESSA "ESTRADA".
    E ISSO PORQUE NÓS É QUE FOMOS ATRÁS... POLITICO NENHUM NEM POPULAÇÃO NENHUMA MOVEI 1 DEDO PRA FAZER AS COISAS DA MANEIRA CORRETA.
    ENTÃO, AGORA APARECE UMAS ALMAS QUERENDO DIZER QUE AS PESSOAS QUE FAZEM A FAZENDA ESTAVAM OU ESTÃO ERRADOS?

    FORA QUE, UM PRAIA QUE TERIA TODA CONDIÇÃO DE SE TORNAR PRESERVADA E LIMPA, AGORA É UM ANTRO DE PUTARIA E CACHAÇA, ISSO POR CONTA DE QUEM?
    SERÁ QUE EU PRECISO DIZER?

    BORA DEIXAR DE SER MENTIROSOS E HIPÓCRITAS, BORA?


    GUTTEMBERG L. LIMA RAMOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Emanuel Neri comenta. "Antro de putaria e cachaça" - vejam como este este cidadão aí de cima se refere às pessoas que freuqentam à praia do Tourinhos. É incrível como há uma forte resistência ao fato da praia do Tourinhos ser hoje frequenada por pessoas pobres. E isso só foi possível com a estrada que começa no distrito do Reduto, passa pelo Tourinhos e segue até os Morros e praia do Marcos. Qual o problema das pessoas simples de São Miguel do Gostoso frequentarem esta praia? Sujam a praia? Denigrem a imagem da praia? Poluem "socialmente" o ambiente que antes só era frequentado por bacanas? A Constituição brasileira proibe que haja praias exclusivas ou privativas no litoral brasileiro. As praias têm que ser livres para o acesso de quem quer que seja. Então por que tanta furia contra as pessoas simples que frenquentam Tourinhos? Aqui neste mesmo blog já houve uma infinidade de críticas aos "farofeiros" que invadiram o Tourinhos depois da abertura da estrada. Se as pessoas são pobres e não têm o hábito de limpar a praia que frequentam cabe à Prefeitura orientá-las a manter a praia limpa. Cabe também à Prefietura pôr tambores de lixo e obrigar as pessoas que exploram o comércio de comida e bebida no local a deixar tudo limpo. Nas últimas semanas, a polícia já foia cionada para evitar "rachas" e "cavalos-de-pau" feitos por carros e motos naquela praia. Isso tem que ser duramente reprimido porque põe em risco a vida das pessoas que frequentam a praia. Mas daí achar que Tourinhos, por causa da abertura da estrada, virou um "antro de putaria e cachaça" já é puro preconceito. E todas as manifestações de preconceitos têm que ser combatidas. Este blog tem como uma de suas principais bandeiras o combate ao preconceito. E por isso rechaça a raivosa reação de certas pessoas contra a população pobre de São Miguel do Gostoso que resolveu frequentar a praia do Tourinhos, depois da abertura daquela estrada.

      Excluir
    2. Emanuel,você ta querendo o que? fazer intrigas? plantar a semente da discordia é?

      Não vi nem um comentario que especificasse a classe pobre de, farofeira, cachaceira e antro de putaria e também que espalha lixo.

      Isso tudo foi dito para todas as classe, que frequenta aquela praia.

      E agora você quer disfaçar suas citações preconceituosa,em relação aos estrangeiros com esse seu comemntario.

      Acho que quem está com preconceito aqui mais uma vez é você.

      Pois fique você sabendo que rico também faz farofa em praia, isso num é coisa só de pobre não!!!!

      Então como se da o nome das pessoas pobres que chegam nas prais com seus carrões, com caixas termicas caras, cheias de cervejas e outras coisas mais,liga o som...
      Qual o nome que se dá pra isso?

      Acho bom mesmo a prefeitura providenciar, lixeiras, banheiros e começar organizar aquelas barracas que vende alimento, estrurar a praia para os frequentdores...

      Pois do jeito que está vai virar mesmo bagunça.

      E depois quero ver a desculpa da prefeitura.

      Excluir
    3. HEI....

      TEM MUITOS POBRES LIMPINHOS E MUITOS BACANAS SUJINHOS VIU...

      TA INSINUANO QUE SÓ PESSOAS POBRES NÃO TEM O HABITO DE LIMPEZA É?

      TA FALANDO BESTEIRA EMANUEL.

      Excluir
  13. BOM DIA!.. E COM MUITO PRAZER QUE VENHO NO SEU BLOG DIZER O QUANDO VCS NATIVOS SAO IGNORANTES E SEM CULTURA....E PRECONCEITUOSOS, PRA COMEçA A HISTORIA VCS DEVERIAM SE PREOCULPAR COM AS COISAS PRIMORDIAS PARA A POPULAçAO COM A EDUCAçAO A CULTURA E A SAUDE DA POPULAçAO, VEJO A TAMNHA IGNORANCIA, CRIANçAS COM 11 E 12 ANOS QUE NEI SABE LER NEI MUITO MENOS ESCREVER QUE VERGONHA EMANUEL NERI...NAO E PELOS ESTRAGEIROS QUE ESTA ASSIM E PELA RAçA SUJA DE POLITICOS CORRUPTOS QUE TEM AI E EM TODO País, QUE PROMETE A ESSA POPULAçAO UM POUCO DE CIMENTO ...QUE COMPRA O VOTA A 100 REAIS... é NAO E UMA ESTRADA QUE VAI MUDAR A VIDA DESSA GENTE NAO... ISSO E SO PARA BENEFICIOS POLITICOS... NAO VENHA MIM DIZER QUE ISSO E PARA A MELHORA DA POPULAçAO!A MISERIA QUE ESSE POVO VIVE, ESTRADAS SEM ASFALTOS.. CASAS DE TAIPAS...EM PLENO SéCULO XXI,PARECE AFRICA NO QUENIA SAO MIGUEL DO GOSTOSO E UMA LINDA COMPARAçAO, SE ERA PELOS NATIVOS DE SAO MIGUEL NAO EXISTIA SE QUER A PONTA DO TORINHOS..."SERIA PONTA DO LIXO"... QUANDO VCS VAO A PRAIA E ISSO QUE DEIXAO LIXOOOOOO... POLUIçAO SONORA CARROS COM PAREDOES DE SOM, QUE DISTURBA A NATUREZA ... HA SENHOR NERI PENSO QUE VC NAO SABE OQUE E ISSO NE? CLARO! OUTRO DIA ESTAVA COM MINHA FAMILIA TOMANDO UM BANHO DE PRAIA QUANDO UM BEBO EM ALTA VELOCIDADE QUASE MATA UMA CRIANçA... TODOS DEVERIAO DEIXA O CARRO NOS REDUTOS E FAZER A ESTRADA A Pè E MUITO MAIS ENTERESANTE,NAO!? TEM LOGICA PASSA UMA ESTRADA DENTRO DAS TERRAS DOS OUTROS ...ELES TAMBEM A PREZEVAO A NATUREZA, TEM PLANTACAO DE COCO, CAJUEROS TEM JUREMA QUE PERANTE A LEI NAO PODE SER DESTRUIDA.. VC NERI CONHEçE A LEI?CONHEçO MUITO BEM A FAZENDA PONTA DO TORINHOS SOU UMA TURISTA A MAIS DE 10 ANOS FREQUENTO COM A MINHA FAMILIA ESSA PRAIA PQ E A UNICA LINDA E LIMPA PORQUE NA VERDADE SAO MIGUEL E IMPOSSIVEL TOMAR UMA BANHO LIMPO..E SEI A LUTA DESSA FAMILIA... PARA DEIXAR AQUELA PRAIA LIMPA ...ISSO SE CHAMA INVEJA... PORQUE O SENHOR PREFEITO NAO COMPRO NA EPOCA AS TERRAS???OS ITALIANOS COMPRARAM PQ VCS MESMO VEDERAO AGORA SE LAMENTAO PQ? INVEJA MATA SE NAO ERA PELOS EXTRANGEIROS COMO SITA O SENHOR, ESSA GENTE DE SAO MIGUEL NAO TERIA TRABALHO PORQUE A UNICA OPçAO DE SAO MIGUEL E SER PESCADOR E AGRICULTOR, O BRASIL E SUAS REGIAOES NAO PRECISAO DE GENTE IGNORANTO NO PODER. ESPERO QUE O SENHOR NERI VA ESTUDAR MAIS UM POUQUINHO PQ SUA FACULDADE DE JORNALISMO E INSUFICIENTE PARA ESCLARECER A POPULAçAO..QUE POR IGNORANCIA NAO SABE A VERDADE...SEJA HONESTO SENHOR NERI. ATENCIOZAMENTE SENHORA: VITTADELLO JENNIFER

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou impressionado com as demonstrações de ignorância, preconceito social, cultura arrogante/autoritária, elitismo e má educação desta Sra Jennifer. Quem a sra pensa que é para chamar os nativos de Gostoso de ignorantes e sem cultura? Que exemplo de "cultura superior" a sra acha que deu com esse seu texto ridículo, se achando dona da verdade e da praia do povo brasileiro? Pra começar, vá primeiro aprender o nosso português para poder se dirigir a nós!
      Por favor, Sra, nunca mais se dirija ao nosso povo, nossos pescadores e agricultores, como gente ignorante ou sem opção de trabalho ou que não sabe a verdade, ou não sabe escolher seus representantes. O nosso Brasil vai muito bem, obrigado, governado por pessoas capazes tecnicamente e sensíveis socialmente, porque vieram do povo e de experiências de luta por liberdade, igualdade e fraternidade. Bem diferente da Europa de vcs, arrasada pela farsa do neo-liberalismo que desmonta as conquistas do Estado de Bem Estar Social. Não venha querer nos dar aulas... somos soberanos, autônomos e sabemos muito bem onde queremos e podemos chegar! Desculpe a franquesa, mas não deu pra ler suas aberrações calado! Já pensou se um brasileiro chegasse no seu país com esse discurso sobre o seu povo...? Passar bem!

      Excluir
    2. pra come¢a eu nao sou estrageira ok....sei muito bem sobre o meu pais,quem e vc? eu fala aquilo que penso e que vejo ok. vc e mais um babao da sociedade corrupta dentro d sao miguel, falo a verdade se vc se doeu meu querido n posso fazer nada; vejo sua tamanha ignoracia que na apre os olhos para realidade que essa cidade passa, fui criada nesse lugar ok.

      Excluir
    3. vc diz que nosso pais esta bem pq vc deve ser aliado a slgum tipo de politicagem... o senhor ja fez algum beneficio pra essa gente? os politicos fizeram? mim diga pq eu sou ignorante e sem cultura. o discurso que eu fiz e a realidade que essa gente se vc e aberracao pra mim nao... sujeito ignorante e arrogante e vc....passa bem claro que passo,pq estou melhor q vc.

      Excluir
    4. Fico feliz que a Sra esteja bem. Desejo que melhore a cada dia! Quanto à situação do Brasil, não sou eu que digo, veja os dados econômicos e sociais... Vivemos o melhor momento da nação: crescimento com distribuição de renda e inclusão social, rede de amparo e estímulo social, emprego e educação em alta (atraindo, inclusive, europeus em crise por lá para estudar e trabalhar aqui!!!), etc, etc, etc...
      Quanto a quem sou eu e se já fiz alguma coisa por nossa gente, se conhecesse a nossa história a Sra saberia.
      Pelo que vejo, quanto mais a Sra escreve aqui sua "absoluta VERDADE" mais a Sra se complica... agora resolveu acusar a existência de uma sociedade corrupta em São Miguel do Gostoso. Vai ter que provar!
      Queira desculpar, mas o nível do seu debate é inconsistente, destemperado e de baixa estatura... Desta feita, não tenho como continuar debatendo com a Sra... Passar bem!

      Excluir
    5. 0 hildemar tá coberto de razao. Esta senhora foi extremamente desrespeitosa com o nosso povo. Um absurdo! Uma verdadeira aberração mesmo!

      Excluir
    6. AAAAAAAHHHHHHHHAAA D. JENIFE !!!!!!!!!! DEPOIS DESSAS SE EU FOSSE A SENHORA EU ME ENTERRAVA TODINHA NUM BURACO DE DESOVA DAS TARTARUGAS LÁ NO TOURINHO.......
      AH, NÃO ESQUEÇA DE LEVAR UMA GRAMÁTICA E UM DICIONÁRIO.... PQ SEU “PROTUGÊS”, MINHA FILHA, TÁ DE FAZER VERGONHA VISSE!!!!!!!

      Excluir
    7. Emanuel Neri comenta. Esta senhora Jennifer que escreve aí em cima é extremamente agressiva. Foram publicados seus comentários mais leves. Outros, muito mais agressivo e ameaçadores, foram recusados. Esta senhora - ou senhorita - fez pesadas críticas à população de São Miguel do Gostoso. Além de pesados, são desrespeitosos. Hildemar Peixoto fez muito bem ao responder à falta de educação deste senhora. Estas pessoas não sabem discutir democraticamente sem agredir e partir para duras acusações às pessoas. É importante que ela saiba que este blog não tem espaço reservado para suas acusações. Se passar dos limites, com acusações - e até ameaças, como ela fez ao autor deste blog - terá seu comentário recusado.


      Excluir
    8. Emanuel vc me sederia uma parte do seu blog - por menor que seja - para beneficio da populacao?
      Eu gostaria de informar/conscientizar a populacao sobre assuntos mais importantes, como por exemplo, os desvio de verbas publicas.
      Caso seja possivel me informe!

      Excluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hildemar... franqueza é com "Z"...

      Excluir
  15. Realmente houve esses problemas no passado. Mas se falando da estrada, eu como ambientalista e voluntário no trabalho de proteção as tartarugas marinhas acredito que a gestão anterior erou e muito em ter permitido a coonstrução da estrada por onde ela é atualmente, pra completar meu caro Emanuel, colocaram centenas de palhas nas dunas para impedir que a areia invadisse a estrada, e isso causou um prejuijo imenso ao equilíbrio do eco sistema local, pois as tartarugas não encontraram mais um local adequado para desovar e estão encurraladas entre um trecho dos morros, outro no reduto e outro trecho entre Stº Cristo e cardeiro. Terá que ser feito um trabalho para remover as palhas das duna para que as tartarugas possam construir seus ninhos. Só esse ano encontramos dezenas de subidas sem desova devido esse problema.Quando a estrada for desativada e for construido a outra eu pessoalmente procurarei a Sra. Prefeita para vermos a possibilidade de se executar esse trabalho para podermos remediar o erro dos outros. Outra como já citaram anteriomente, O Tourinho tem que ser presrvado, mas lamentavelmente não é o que esta acontecendo. outra os estrageiros só compraram por que alguém vendeu. Ande em Gostoso e verá ainda algumas plaquinhas de VENDE-SE...........
    José de Anchieta

    ResponderExcluir
  16. E quem tiver seus terrenos e quiserem vender só não vendem se não encontrarem compradores, pois não existe Leis que os proibam, antigamente muitos moradores de nosso Município costumavam vender em suas terras suas benfeiturias cito somente os coqueiros, cajueiros etc, e não a terra, e certas pessoas que tinham melhores condições financeiras compravam, mas depois com o passar do tempo, se apossavam também das terras causando prejuízos a muitas famílias carentes, hoje Estrangeiros e Brasileiros que procuram investir em terrenos em nossa cidade e Município fizeram com que a cada dia que passa Gostoso cresça mais, e consequetemente gerando emprego a tantos que antes procuravam trabalho e não encontravam, antes se via muita gente saindo daqui para principalmente o sul do Brasil no trecho Rio / São Paulo a procura de emprego, e hoje acabou, fazendo com que nossos conterâneos vivam aqui mesmo junto a seus familiares.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo com o senhor que muitos pescadores foram pra santos pq em sao miguel n tinha oportunidade...sendo obrigados a deixa a suas familias para ter um futuro melhor.

      Excluir
  17. Engana-se essa palavra não é usada no meu vocabulário nem em meu pensamento, Graças a Deus tenho o suficiente para minha sobrevivência.

    ResponderExcluir
  18. Que frequentem todos a praia de Tourinhos, pobres, ricos, cachaceiros e p.. mas com educação e respeito sem jogar lixo, trafegar com veículos na areia, som alto, barracas imundas que podem trazer um surto de hepatite e civilidade. Aí então seremos todos iguais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso e verdade caro amigo...a praia e de todos mais vamos respeita natureza, quando eu vou a esta praia recolho o lixo q os turistas e os nativos deixao, tem que haver aula de ecologia...daqui apouca as tartarugas nao vao mais desouvar ali e triste saber que o futuro dos nossis filhos estao em risco e a natureza.

      Excluir
  19. Olha, sinceramente, categoria "fraca" de reportagem. Sequer se deu ao trabalho de pesquisar, tentou plantar discórdia, foi tendencioso e se perdeu respondendo os comentários...

    Flávio Henriques

    ResponderExcluir
  20. EXISTE CERTAS PESSOAS QUE VIERAM PARA A NOSSA TERRA, E HOJE PROCURAM DENEGRIR A IMAGEM DO POVO DA NOSSA CIDADE, COM ARROGANCIA E PRECONCEITOS A NOSSA GENTE, QUE FALTA DE VERGONHA E CARATER.

    ResponderExcluir
  21. Joaquim Simões Barbosa26 de fevereiro de 2013 11:54

    Venho aqui comentar a postagem inicial do blog, do qual somente agora tomei conhecimento. Fiquei surpreso com essa visão equivocada e preconceituosa vinda de alguém que, sendo filho da terra e tendo desenvolvido uma bem sucedida carreira de jornalista em São Paulo, deveria ser capaz de ver as coisas com maior clareza. No inicio deste ano estive com minha família pela quinta vez em São Miguel do Gostoso. Muitas são os encantos dessa cidade, mas o que realmente me cativou, que nos fez voltar tantas vezes, foi a praia de Tourinhos, que considero um lugar mágico, único no Brasil. Quando pela primeira vez estive em Tourinhos, encontrei uma praia linda, praticamente intocada, onde, nos finais de semana, pescadores locais puxavam a rede para uma peixada coletiva ao cair da tarde. E um único restaurante, o Tortuga, acolhedor e simpático, interferindo muito pouco na paisagem, oferecendo uma comida simples, mas surpreendentemente sofisticada, deliciosa, muito superior à de qualquer outro restaurante da cidade. Um lugar como esse é especial e valoriza imensamente a cidade de Gostoso, porque a qualifica como destino perfeito para um turista diferenciado, que gasta muito mais do que o turista comum, com a vantagem de fazer isso preservando, sem depredar nem estragar. Tantos lugares do litoral nordestino também já foram um dia especiais e se entregaram à ilusão do turismo de massa e vejam como estão hoje: sujos, vulgares, feios, somente atraindo o turista miserável, que vem em grande número, mas gasta muito pouco. Tourinhos só se manteve assim, magnificamente preservada, porque esse italiano empreendedor e dono de uma mentalidade extraordinária, junto com sua mulher brasileira, do sertão de Pernambuco, e seu filho também brasileiro, foram comprando aos poucos, legalmente, licitamente, todos os terrenos que dão para a praia. Compraram de pessoas que queriam vender, pagando o preço de mercado. E, durante anos, décadas, tomaram conta do lugar, que sempre ficou totalmente franqueado aos turistas e à comunidade local. Tivessem eles sucumbido a qualquer das excelentes ofertas que receberam pela fazenda e nao teriamos, nós turistas, nem tampouco a comunidade local, acesso à praia de Tourinhos. Tivessem eles escolhido esse caminho mais facil e a praia, a exemplo de tantas outras do nosso litoral, seria privativa de um resort. A mim me parece evidente que, nessa briga com a prefeitura, o lado que merece o apoio da comunidade local (ao menos de sua parcela esclarecida) é o do “italiano” (rectius, da família brasileiríssima que tem à sua frente um italiano aqui radicado há muitas décadas), pois esse é o lado que quer preservar para o uso racional e contido algo que vale a pena ser preservado, resistindo à investida de políticos gananciosos, que querem matar a galinha dos ovos de ouro. O que trouxe a estrada da Prefeitura? As SUVs dos mal educados riquinhos de Natal, que gostam de passear em velocidade e dar “cavalos de pau” na areia e também os barraqueiros de comidas de procedência duvidosa, que, sem uma única gota dagua e qualquer higiene, deram ao local um ar insalubre, que lembra o de uma favela (alias, são, mais uma vez, os cuidados do "italiano" junto a esses barraqueiros que têm conseguido manter a situacao em niveis ao menos toleraveis). Realmente, uma tristeza que não compreendo como possa ser defendida pelo autor deste blog. Fica assim a minha opinião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ao senhor Joaquim, que assinou o comentário acima. O foco do post a que ele se refere foi o conflito entre o proprietário da fazenda na Praia do Tourinhos e a Prefeitura de São Miguel do Gostoso, na administração passada, para abertura de estrada que facilitou o acesso de moradores aos distritos dos Morros e a praia do Marco. O restante da informação foi a contextualiação para explicar ao leitor fatos que ocorreram há algum tempo nadaquela fazenda. Não há nenhuma inverdade nos fatos citados neste blog. Embora a fazenda tenha sido vendida legalmente, houve, sim, conflitos entre proprietarios da fazenda e antigos moradores daquela praia. Isto é fato - e para comprovar basta consultar informações e documentos em poder de órgãos ligados à defesa de direitos humanos no Rio Grande do Norte. Não há, portanto, nenhuma "visão equivocada e preconceituosa" do autor deste blog neste relato. Se você não quiser consultar tais documentos, basta ouvir moradores de São Miguel do Gostoso e do Reduto sobre estes conflitos. O leitor acima tem todo o direito de defender o proprietário da fazenda do Tourinhos, mas também não dá para passar uma esponja sobre fatos ocorridos no passado, como se nada tivesse ocorrido ali.(Emanuel Neri).

      Excluir
  22. Realmente a grande maioria do antigos moradores da praia do Tourinho venderam suas terras com medo das ameaças por parte do "Italiano" e demais envolvidos, culminando até mesmdoo em um crime na praia, os moradores do Reduto tinhão medo e evitavam até mesmo de andar sozinhos na Praia do Tourinho ou nos terrenos da redondeza, pra falar a verdade até hoje ainda existe um certo receito por parte dos moradores Reduto.

    ResponderExcluir
  23. Sou prova viva disso meu pai foi obrigado a sair pois a qualquer momento poderia acontecer algo de ruim com sua familia,meu pai nao podia mas pescar que os capangas andavam armados na praia a nossa humilde casa era sercada e a noite tinha chuva de bala,quando vou a praia do tourinho tenho triste lembrança da pouca infancia que tive ali pena que meu pai nao é mas vivo pra ver que hoje os nativos e turistas hoje pode frequentar a nossa belissima praia.

    ResponderExcluir