terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Evangélicos fazem culto na rua e causam transtorno em São Miguel do Gostoso; policiais desligam o som



Por Emanuel Neri
Têm fatos que, até parecem, só acontecem em São Miguel do Gostoso. Na noite da  segunda-feira (7/1), uma igreja evangélica da cidade resolveu fazer um culto ao ar livre, usando um “paredão” de som em volume altíssimo, diante de uma pousada.A polícia teve que intervir.
A pousada era a Chica Pitanga, que fica na rua dos Búzios, região central da cidade. Quando começou o culto, a direção da pousada e os hóspedes chamaram a polícia. Ma, apesar dos inúmeros pedidos da polícia, o pastor responsável pelo culto em via pública se recusou a baixar o volume do som.
“Aqui só Jesus pode baixar o som”, disse  o pastor ao sub-tenente J. Edison, responsável pelo policiamento da cidade. O policial explicou que não havia nem mesmo pedido prévio para a autorização do som e que não poderia ser realizado.
Mesmo assim, o pastor se recusou a baixar o som. O policial explicou que até pessoas que usam carro com som alto, algumas até embriagadas, desligam o som quando são abordadas pela polícia. Apesar destes argumentos, o pastor manteve o som ligado.
Houve um princípio de conflito porque os hóspedes da pousada exigiam que o som fosse desligado. O barulho era ensurdecedor e incomodava não só os hóspedes da pousada como também moradores de casas da rua dos Búzios e vias próximas.
A polícia voltou a intervir. Pediu o imediato desligamento do som. O pastor insistiu  que só Jesus poderia baixar o som. Então a polícia desligou o som. Os evangélicos protestaram, dizendo que os hóspedes não tinham direito de reclamar.
“É gente de fora, que vem nos atrapalhar. Nós temos direito de orar por Jesus”, diziam os evangélicos. É estranha ou não a realização deste culto, em praça pública, sem autorização da polícia, e esta reação irada dos evangélicos contra os hóspedes?
Com que direito uma igreja evangélica acha que pode fazer seus cultos em vias públicas, durante à noite, usando “paredões” de som em volume altíssimo e causando sérios transtornos para a população? É mais um abuso contra a cidade.
A Constituição Brasileira garante a liberdade de culto no Brasil. Qualquer religião pode ser praticada. Mas as igrejas evangélicas, como as católicas, não têm o direito de fazer seus cultos no meio da rua, tirando o sossego de moradores e turistas.
Este é mais um sinal das inúmeras coisas erradas que acontecem em São Miguel do Gostoso. Cultos religiosos têm que ser realizados em ambiente interno, no interior das igrejas. É assim que a Igreja Católica faz suas missas e outras celebrações.
A igreja evangélica Assembléia de Deus costuma fazer alguns de seus cultos em plena avenida dos Arrecifes, a principal via da cidade. Quando isso acontece, a avenida é interditada e há um enorme transtorno para o trânsito da cidade. Vejam o problema.
Isso é correto? Pelas leis do país, a resposta é não. Atos religiosos em vias públicas só podem ser realizadas com autorização da polícia e da Prefeitura local.
Igrejas não podem causar transtornos à população com seus cultos religiosos. Todos devem ter respeito pelas religiões – seja cristã, muçulmana, judaica, budista, umbanda ou qualquer outra religião ou manifestação de fé.
Mas nenhuma religião tem direito a char que o mundo é só seu – e que pode tudo.
Para evitar estes abusos, uma comissão da cidade vai pedir uma audiência ao Ministério Público para que se crie limites para este tipo de culto ao ar livre na cidade. São Miguel do Gostoso não pode mais conviver com esta intolerância.
Como qualquer cidade que se moderniza, e quer viver com civilidade e respeito a todos, não pode mais permitir este tipo de abuso. Os pastores evangélicos – e os adeptos destas igrejas – precisam entender que as leis devem ser respeitadas.

69 comentários:

  1. Se a lei é para todos não importa que seja de alguma religião que venha imcomodar nossos moradores, tem que fazer isso mesmo, som alto em meio de ruas é proibido, agora se fossem dentro da igreja deles tudo bem, mas no meio da rua a polícia agiu de maneira corretíssima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é palhaço ou palhaça.a palavra de deus tem quer ouvida e bem alto q é para extremecer o inferno e quem se encomoda colque bosta nos ouvido e cimento p endurecer.pq se fosse um forró tu estava lar se prostituindo mas como é a palavra de deus tu ñ quer vai te converter incredaaaaa

      Excluir
    2. Um dia, no Juízo final, estas pessoas que atrapalham a OBRA de DEUS, se não se converterem ao Senhor Jesus Cristo, ou seja, cumprir/viver a Palavra de DEUS, terão o Julgamento que merece e pagarão na tormenta de fogo, no lago do inferno, todo o mal que aqui na terra fizeram. Amém.

      Excluir
  2. Eu sou evangélico da Assembléia de Deus e estou com vergonha do que este pastor fez. É uma vergonha para nossa igreja e por isso temos muita gente saindo da igreja.

    ResponderExcluir
  3. Emanuel Neri, eu acho que voce esta nervoso e sem razão, concordo com voce no que diz que esses cultos, missas, eventos etc e tal, tem que ter uma autorização da Delegacia de POlicia e da prefeitura, ok. mas no que diz em forma uma "comissão" para falar com o MP, ai parece brincadeira. por que não faz uma comissão para parar o clube da cidade, da entrada de menore neste recinto, de venda de bebidas alcoolicas etc e etc..., Emanuel Neri fique na sua, não si magoe com palavras, nós os evangélicos ti amamos, JESUS ti ama seu pai foi cristão, lembra-se, sua mãe é religiosa, peça orientação aos mais velhos e não si deixe levar pela razão, voce é uma pessoa muito sensata, tranquila ok, não si esqueça, nós ti amamos, ok. Que a Paz de Nosso Senhor esteja convosco e conosco, Amem
    (caso queira publicar tudo bem, mas si não leia tudo)

    ResponderExcluir
  4. como voçe aumenta as coisas emanoel. ontem eu estava lá e vi muito bem quando Naldinho baixou o som, mais mesmo assim o pessoal da pousada ainda reclamaram. Fiquei assustada com a ignorância do policial. mais DEus é tão bom que na hora que ele foi desligar o som, levou um enorme choque. kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O POLICIAL não é ignorante, mas sim as pessoas que não respeitam o próximo como esses evangélicos. Policial tem de fazer cumprir a lei e fizeram bem, como têm vindo a fazer. Parabens Comandante Edson continue o bom trabalho. Vergonhoso essas pessoas que parece que o mundo gira ao redor delas...

      Excluir
    2. Esse choque não tem nada aver com castigo ou coisa do tipo, deixe de ser besta. Vocês se deixam levar pelos sentimentos, e acham que só porquê é evangelicoS podes tudo. Isso que você postou é uma piada muito ruim.

      Excluir
  5. RESPEITAMOS AS LEIS SIM, QUANDO VAMOS FAZER MOVIMENTOS NAS RUAS, Á PREFEITURA E AVISADA.
    MAIS ESSE POLICIAL TÁ QUERENDO MOSTRAR SERVIÇO DEMAIS. E APARTI DE AGORA VAMOS UMA CAMPANHA CONTRA ESSA POUSADA CHICA PITANGA( VAMOS ORAR PARA QUE NÃO APAREÇA MAIS HOSPEDES,PARA ELES FALIREM),ISSO É O QUE DÁ SE METER COM O POVO DE DEUS..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. meu irmao imagine se jesus tivesse tido essa mesma mentalidade quando perseguiram ele? como nos estávamos agora?

      Excluir
    2. ORAR PARA A POUSADA FALIR? QUE VERGONHA, POR ISSO MUITOS AMIGOS MEUS SE AFASTAM DE EVANGÉLICOS PORQUE DIZEM QUE ELES SÃO VINGATIVOS E FICAM ORANDO ( QUE ABSURDO DIZER 'ORAR' PARA PEDIR O MAL DO PRÓXIMO)COM CERTEZA O POVO DE DEUS ESTÁ ENVERGONHADO COM VOCÊS. TENHAM CORAGEM E SE JUNTEM AO POVO DE DEUS QUE NÃO TEM RANCOR NO CORAÇÃO.

      Excluir
    3. Você leu a biblia? entedeu o pouco que leu e ouviu na sua igreja? é isso mesmo que Jesus ensinou, que está escrito, desejar o mal do proximo? Você acredita mesmo no que está fando? Será que o seu "jesus" está feliz com você e essa sua atitude!
      Espera que com essa sua atitude conquistar novos fieis pra sua igreja?
      Quanta ignorancia!!!

      Excluir
  6. senhor Emanuel quero esclarecer que assim como a igreja evangelica como a catolica quando realizam seus eventos na avenida dos arrecifes pedem siam a autorização da policia. é isso

    ResponderExcluir
  7. Eu como evangélica não aceito esses carros de som muito alto, o povo de fora pensa que a gente está exorcizando espiritu lá dentro. Eu sou contra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não importa uq eles pensam nós não temos satisfação para dar ao mundo, uq importa é que estamos adorando a DEUS, mts também criticavam jesus, diziam até que ele tinha demônios... EU ACHO QUE VC PRECISA SE CONVERTER PQ A PALAVRA DE DEUS MANDA TOCAR A BUZINA EM SIÃO... IRMÃ(O) LEIA A BÍBLIA PARA NÃO SER REJEITADA NO GRANDE DIA !!!!!!!!

      Excluir
  8. primeiro Falar de Jesus não é barulho nenhum ? fizemos o culto como sempre fazemos, essa senhora não é a primeira vez que reclama de sons altos naquela rua com outras pessoas, pq não fez sua pousada longe da rua ? ...
    Bem que a palavra de Deus fala, por falta de conhecimento muitos pecam, quem não ler e não buscar a Deus é assim, é Vazio ... Só fazem julgar reclamar ... Agora se tivesse forro, uma musica como sao ouvidas hoje que nao tem nem letra reclama nem isso faria .
    Nos evangelicos temos um direito como todos, sim foi errado nao ter pegado um oficio . qual a diferença entre uma pessoa de fora com um cidadao de são miguel ? temos igreja no maceio, na central e no agreste casas por perto nao reclamam e porque eles reclam ? e conseguem ainda né ate dinheiro oferecem pra os policias ...

    Carla santos

    ResponderExcluir
  9. CONCORDO PLENAMENTE, ATÉ QUANDO ESSES DONOS DE POUSADAS VÃO QUERER MANDAR EM NOSSA CIDADE EIM, POR FAVOR NÉ ... E SEU EMANUEL NERI É UM , QUE FALA BESTEIRAS E NUM FAZ NADA PELA CIDADE SÓ ESSE BLOG FAZENDO COM QUE AS PESSOAS DISCUTAM ... AFFF

    CASSIANE TORRES

    ResponderExcluir
  10. Pura mentira... eu não sou evangélico mas estava presente no culto por ter sido convidado. O sub-tenente tentou arrancar uma das caixas de som. Isso é o que? Acho que um abuso de autoridade. Já chega dos pousadeiros mandarem em Gostoso!

    ResponderExcluir
  11. Desculpa mais se as leis devem ser respeitadas pq as porcarias das festas da cidade ficam até muito tarde rolando??? e já varias vezes aqui na minha rua som alto as tres da manhã fica rolando e nada dOS policias fazer nada isso por que FICA perto da delegacia será que eles não ouvem o som?? AGORA QUEM PONHE LEI NA CIDADE É OS TURISTA AVÁ, NÃO FICAMOS SURPRESOS COM ESSE TIPO DE AÇÃO DE VOCÊS OS ESCOLHIDOS SERÃO PERSEGUIDOS, DEUS É MAIS!!!!! AGORA caro senhorzinho que postou isso nem te conheço mais uma coisa que antes de tudo você deveria intervista as pessoas que tivessem as respostas verídicas para depois poder postar em seu blog Q O NOME JÁ DIZ BALACOBACO confusão a certa!!

    ResponderExcluir
  12. Emanuel Neri comenta. Muitos comentários neste blog sobre a atitude da polícia de proibir o som altíssimo, com o uso de paredões, para que evangélicos realizassem um culto ao ar livre, na rua dos Búzios. A polícia fez muito bem. Os evangélicos, como qualquer seguidor de outras religiões, têm que respeitar as leis do Brasil. E as leis do Brasil dizem que não se pode definir por conta própria que se vai fazer um culto em vias públicas, causando sérios transtornos à população. Quando isso acontece, tem que ter alvará da Prefeitura e autorização da polícia. Os evangélicos não são donos do mundo e ficarem bradando o nome de Jesus para imporem suas vontades e crenças à população. Respeitem as leis e a população que vocês também serão respeitados. Não é no grito - reproduzido em som de "paredões", com volume altíssimo - que os evangélicos vão conseguir mais adeptos. Este é um país plural, democrático, que abriga todas as crenças e religiões. Não é, portanto, um país só de evangélicos. Os evangélicos têm todo o direito de fazer suas orações em recinto fechado, no interior das suas igrejas, assim como os católicos fazem em sua igreja. Mas não podem instalar seus "paredões" em vias públicas, tirando o sossego de todos, como se não houvesse leis enste país. E tem mais: há informações de que os evangélicos se preparam para fazer novo culto, no próximo sábado, tão barulhento quanto o anterior, na rua dos Búzios. Se fizerem isso, estarão desrespeitando a lei e a polícia vai agir do mesmo jeito que fez antes. Atenção Prefeitura e Polícia de São Miguel do Gostoso! As leis são para todos e, portanto, têm que ser respeitadas. O Ministério Público tem sim que ser acionado para pôr fim a este tremendo desrespeito com a população de São Miguel do Gostoso. Mais uma observação aos evangélicos: este blog não aceita comentários desrespeitosos e preoconceituosos como parte dos que estão sendo enviados ao noBalacobaco. Comentários críticos são permitidos - e publicados, como os que estão acima. Mas, se o comentário for preconceituoso e desrespeitoso, não será publicado. Este tipo de comentário desrespeitoso é mais um sinal de intolerância de parte dos evangélicos de São Miguel do Gostoso.

    ResponderExcluir
  13. creio que existe problemas que requer uma atenção da policia e eles não dão como o enorme crescimento de drogas de todos os tipos em São Miguel do Gostoso, onde os principais são adolescentes, isso a policia não procura e faz de conta que não estão vendo, isso sim é mais que um dever da policia militar e não usarem o seu poder para amedrontar as pessoas, quem o senhor tenente achar que é para tentar fazer esse tipo de atrevimento, tem coisas que eles não tomam providencias como um estabelecimento denominado menino da tabua que é um absurdo de fumaça todos os dias que não temos o direito de sentar nas varanda ou assistir até TV pelo fato de enorme volume de fumaça ocasionado por um carro utilizado pelos proprietários, a policia como a prefeitura foi procurado varias vezes e não foi tomado nem um tipo de providencia, isso é um desacato ao direito pois cidadão algum tem a obrigação de levar fumaça todos os dias devido a vários fatores de doença que a mesma pode ocasionar... isso são coisas que devem ser tomada providencias e a policia e órgãos competente não fazem nada.
    obrigado pelo espaço, Cleber Rodrigues Ribeiro da Silva.

    ResponderExcluir
  14. VAMOS SIM CONTINUAR Á PREGAR A PALAVRA DO SENHOR, QUEIRA VC OU NÃO. NÃO ADIANTA ACIONAR POLICIA,NEM MINISTÉRIO PÚBLICO E ETC. POIS MESMO SEM SOM, VAMOS LOUVAR E ENGRANDECER O NOME DO SENHOR, SE A PROPRIETÁRIA DA POUSADA SE INCOMODAR, NOS VAMOS ORAR POR ELA. E AI DAQUELE QUE OUSAR PARAR O TRABALHO DO SENHOR...OU METER A MÃO ONDE NÃO DEVE. E VC ESTA EQUIVOCADO QUANDO FALA QUE UM DETERMINADO IRMÃO FALOU QUE SÓ JESUS PODIA PARAR O SOM...POR FAVOR QUANDO FOR ESCREVER, FAÇA UMA VERDADEIRA ANÁLISE DO QUE ACONTECEU, NÃO ESCREVA SEM FUNDAMENTOS.

    JANE

    ResponderExcluir
  15. realmente caro colega Emanuel os evangélicos tem que estar em suas igrejas sem falar do amor de jesus nem falar a respeito do céu é pra ser um pessoal preso que nao pode expressar o que pensa nem falar sobre o que estar escrito!!! francamente!!! acho que sua visão de liberdade de expressão estar muito errada, se nos falamos que o homosexualismo é errado vc vai criticar pois vamos ser homofóbicos se falamos na rua vc tb critica por isso é como estar escrito na bíblia!!! que se perturbem os moradores da terra.e pra seu conhecimento existe um volume de som ja por lei pra todas igrejas seja ela católica evangélica ou seja festa qual seja, 60 dessibes de som ASS.GIL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vai te converter incredo pq se nao tu vai é para o inferno

      Excluir
  16. Perai to pasmada com uma pessoa ali em cima no comentário que se diz EVANGÈLICA e sentir vergonha do que o pastor Fez (O que ele fez eim ) .... Vai orar disconvertida(o) Deus sofreu pior coisa .

    Carla

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SOU EVANGÉLICA SIM MAS NÃO DA TUA IGREJA QUE DIZ QUE VAI ORAR PELA FALENCIA DA POUSADA. QUEM É VOCÊ PARA ME CHAMAR DE DESCONVERTIDA? TENHO 72 ANOS E SEUS PAIS NÃO ERAM NEM NASCIDOS QUANDO EU COM 4 ANOS JÁ OUVIA O EVANGÉLIO DO SENHOR EM VOZ BAIXA,
      SEM CHAMAR ATENÇÃO E SEM PROSELITISMO. MAS, VOU ORAR POR VOCÊ PARA QUE NÃO SE DESCONTROLE E SEJA UMA SERVA DO SENHOR.
      DIZA

      Excluir
    2. também nem existia microfone kkkkkk

      Excluir
    3. 68 anos de evangélio já é tempo suficiente pra não criticar sua própria religião,pq o verdadeiro cristão defende a obra de DEUS.... imagina o orgulho que DEUS vai ter de vc quando vc ficar frente a frente com ele no juízo final.

      Excluir
  17. Manuel neri você acredita em Deus ? Você ler a bíblia ? você já sentiu a sua presença ? você tem intimidade com ele ? ... Lei no nosso país é triste, agora cumprir as leis do senhor quero ver .

    Joaquim Silva

    ResponderExcluir
  18. Olha Fazemos culto ao ar livre porque as pessoas tem que conhecer a palavra do senhor ! não se deve ficar em 4 paredes parado, quantas pessoas foram mudadas , sairam das drogas, da prostituição por causa da palavra, quantas foram curadas !

    Deus evangelizou viajando nas ruas pregando o seu nome,curando, pessoas sendo mudada e na biblia fala isso tudo ... Ele mesmo fala - ide por todo mundo e pregai o meu evangelho !

    Sim Deus é paz mas Deus tb é fogo quem ler a biblia sabe .!

    Tay lima

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jesus evangelizou viajando de cidades em cidades, indo nas casa das pessoas, isso é verdade, mas nunca usando paredões com som altissimo pertubando o sossego dos outros, nem obrigando as pessoas ouvirem a palavra contra a vontade, aos gritos e desesperos. E além do mais os tempos mudaram já se passaram mais de 2000 anos, o mundo está cheio de igrejas, tem para todos os gostos, não precisa desse desespero todo.

      Excluir
    2. há dois mil anos atrás não existia paredões e nem sistema de som....

      Excluir
  19. os evangelicos estão errados mesmos, vamos por a mão na consciencia gente, não gosto das publicações do senhor emanuel mas dessa vez tem q concoradr com o mesmo...

    ResponderExcluir
  20. Vale lembrar que Poluição Sonora é qualquer barulho que exceda um nível moderado de som. Isso também vale para carros que fazem propaganda sonora, bares, casas de show, e inclusive igrejas.
    O culto, ou missa, sejam eles ao ar livre, ou até mesmo dentro de seus templos, não são diferentes deste tipo de fiscalização.
    Também sou evangélico, concordo que a Palavra de Deus seja pregada a todos aqueles que estão sedentos do Amor de Cristo, mas, também sou racional em perceber que tem coisas que fogem do limite tolerável.
    Interditar uma avenida ou mesmo uma rua, sem autorização dos órgãos competentes, no caso, a prefeitura, é crime; ligar um som altíssimimo, incomodando a todos na vizinhança ou na rua é perturbação do sossego aheio, crime também.
    Qualquer evento realizado em via pública precisa de autorização principalmente da prefeitura local, ou algum órgão competente da mesma. A Polícia Militar é acionada apenas para que possa estar ciente do acontecido... e não para fazer as funções de agentes de trânsito.
    Tudo isso pederia ser evitado se houvesse por parte de quem está a frente desses eventos, um pouco de bom senso e respeito pelo próximo: ( amarás o próximo como a ti mesmo, ou seja, aquilo que você não quer para você, não deseje para o outro ). Um abraço...

    ResponderExcluir
  21. Vocês evangélicos que atacaram os donos de Pousadas e pessoas de fora. Que tal vocês à partir de amanhã evangélicos que trabalham para eles pedirem demissão junto com os seus familiares e não mais trabalhar para nenhum deles. Emanuel, é um absurdo o que acontece em Gostoso quando as pessoas ficam contrariadas e começam esse ataque xenofóbico. Será que vai valer a pena ter mão de obra local sabendo que não somos bem quistos pelos nossos funcionários locais, que atacam os donos de Pousadas, que estamos encomodando ou porque a minha opção sexual é essa ou aquela? Sempre lutei para dar trabalho para a mão de obra local mas estou tão chocado com os comentários que penso em mudar de idéia e trazer mão de obra de outros estados. Se você não publicar meu relato te peço para abordar esse tema de xenofobia 'estadual' . Gostoso acorda e vamos acabar com esse preconceito antes que seja ruim para todos.

    ResponderExcluir
  22. Estive lá e não foi nada tão aborrecedor como falam e aumentam ! até convidados não evangélicos estavam lá e ficaram pasmados com o que ocorreu, sempre tem cultos na rua e ninguém reclama. sim foi errado não ter levado oficio mas o menino ( não crente) que queria um culto na sua casa foi até a delegacia a tarde e o policial disse que não precisava pelo fato de sempre haver cultos ao ar livre.

    ResponderExcluir
  23. Eu vanessa e moradora de são miguel do gostoso concordo pq é um grande abuso oq os evangélicos fazem o barulho é orrivel coisa que deus ouvi até em sussurros eles gritam e agora como se fosse pouco utilizam paredões é mole! Ah! os demais cidadão não tem o direito de reclamar se não vão dizer que vc está idemoniada pode um negócio deci.

    ResponderExcluir
  24. Isso é uma vergonha! Enquanto a polícia desliga o som de quem prega o nome de DEUS, aqui perto de casa (em Natal) tem um fdp do dono de um bar que faz serestas até o amanhecer do dia e ninguém faz nada. Várias denúncias já foram feitas e até agora nada aconteceu.

    ResponderExcluir
  25. É verdade, o Emanoel está coberto de razão, as pessoas devem tomar consciencia que inderditar rua, som alto seja quem for está errado, a nossa população tem mesmo é que se educar e combater esses fatos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mas se fosse a igreja católica ninguém iria reclamar,quantas vezes vcs ouviram um um evangélico achando ruim pq os católicos interditaram a rua???

      Excluir
  26. Quero aqui nesse espaço, deixar minha indignação. essa provocada agora porque, simplismente os donos de pousadas, e seus "queridos hóspedes" mais uma vez se sentiram incomodados. Dessa vez foi com uma manifestação religiosa de são miguel, outro dia com um cidadão ouvindo o son de seu carro, depois por outro e outro motivo. gente isso deve parar! pois a cidade e nossa. E não só, dos donos de pousadas, e seus hospedes. Dicerto que as vezes à algum exagero da populaçaõ,porem não se pode mudar todo modo de vida de smg, só porque esse caro blogueiro emanuel neri, e o pessoal da pousada querem induzir e madar. Desde já queria pedir humildimente que, quando esse blog quando for contra as festividades da cidade de smg, não falasse e nome do povo. Pois o povo daqui e extremamente festivo, alegre e gosta que sejam respeitada todas as suas raízes. dizendo nesse espaço que já não quer ser guiado como jumento por alguns, e sim ter suas proprias escolhas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por favor meu caro amigo(a) A cidade é de todos brasileiros como as cidades do Oiapóque ao Chuí ou eu perdi a fundação da República Federativa de São Miguel do Gostoso? Segundo quem manda no povo do Oiapóque ao Chuí é a Constituição Brasileira e leis Federais, Estaduais e Municipais. Portanto não é pousadeiro, Sr. Emanuel ou você quem manda ou quem vai dizer o que fazer É a lei, e ela será cumprida por mim, você, pousadeiros, pescadores e todos sem distinção de raça, sexo ou credo. Se você conhece a lei e se sente prejudicado por pousadeiros ou turistas Vá... assim que ler esta mensagem e preste queixa que terá o apoio de todos inclusive do Ministério Público. Boa sorte para você e que esses que você menciona de pousadeiros e seus queridos hóspedes serão enquadrados e pagarão pelo o que fizeram. Convoco à todos cidadãos de Gostoso que se sintam prejudicados com turistas ou pousadeiros de chamarem a policia quando eles estiverem fora da lei.

      Excluir
  27. li todos os comentarios sobre o que aconteceu no culto proximo a pousada chica pitanga e devo reconhecer que o son estava muito alto mas é importante informar que o dono daquela pousada tem impedido as crianças da vizinhança brincarem enfrente as suas casas ele fica toda hora pedindo para as crianças nao fazerem barulho e isso ele nao pode fazer pois a rua é publica e as crianças tem todo direito de bricarem na frente de suas casas eu moro bem proximo e vejo ele reclamar a toda hora vejo que está havendo uma proteçao exagerada com os donos de pousada e a populaçao tem sido prejudicada essas pessoas que chegam de outros estados e países tem que se adaptarem a os nossos costumes pois a nossa cultura nao pode ser destruidas por essas pessoas que estao chegando aqui já querendo ser o dono da nossa comunidade eu nao vou admitir que nossa cultura seja mudada só para agradar os turista nem esses donos de pousada que vem para nossa cidade enrriquecer tirando o nosso direito de viver com liberdade .senhor enmanuel sei que sua infancia foi aqui em sao miguel e com certeza voce teve uma infancia com muita s brincadeirss na rua sei que os tempos sao outros mas se eu for até a promotoria tenho certeza que as crianças que moram proximas a chica pitanga terao todo direito de brincarem nas suas calçads; se as reclamacoes desse proprietario nao acabarem nós maes da rua dos buzios vamos nos reunir e procurar os direitos de nossos filhos pois ficamos seguras em ve-los bricando na calçada para a proprio segurança deles.

    ResponderExcluir
  28. So porque nascemos e se criamos aqui nessa cidade, nao quer dizer que temos que ser mal educados e desrespeita os novos moradore e os visitantes que vem aqui, nem pessoas que tambem sao daqui.

    ResponderExcluir
  29. Deus ama cada um de vocês e eu também, que Deus venha com sua justiça sobre todos os q querem parar esse trabalho.
    Missão está no coração de Deus...

    ResponderExcluir
  30. Deus ama cado um de vocês, e q ele venha com sua justiça na vida de cada um daqueles q querem parar essa obra.
    missões está no coração de Deus...

    ResponderExcluir
  31. agente ta num pais de democracia e os evangélicos estavam no direito ai daqueles quem mexeram com a obra deus e ai daqueles que querem mexer coitados de vcs jeová é amor mais é fogo consumidor mexer com crente é pedir castigo eterno imagine na obra de deus ai daqueles Emanoel neri vc tem coragem Emanoel de mexer com deus só me responde essa vc é feliz sem deus ??? prq eu amo meu deus e tenho temor ao senhor cuidado com quem mexe é vcs estão mexendo com o todo poderoso !!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que tantos besterol é esse que você está fando irmão?




      Fica usando o nome de Deus envão!! se envergonhe disso!

      Excluir
  32. A cidade não tem dono. Não é minha, não é sua, não é do nativo. Aqui moram e estão os que nasceram, assim como em qualquer parte. O povo pertence a uma cidade mas a cidade pertence ao mundo. E o mundo pertence a Deus para os que creem. Respeito todas as religiões. Entretanto, também respeito a direito ao silêncio. O senhor não fez burburinho: Ele foi manso, firme e convincente. O barulho é o som dos que não tem razão. Independente do negócio onde se trabalha, quando se presta um serviço, o cliente quase sempre tem razão e quase sempre reclama. Seja por uma criança, seja por um idoso, seja pelo simples direito de estar tranquilo e descansando e esse é um direito não apenas dos negócios, mas também dos moradores.

    As identidades culturais devem ser valorizadas e respeitadas, como as festas populares, o forró. Mas isso não deve contrapor a maior atividade de São Miguel do Gostoso que é o turismo. Ao contrário, devem somar valor ao segmento.

    Não usem o nome de Deus para justificar o desrespeito ou tratar problemas mais profundos. Deus apregoava com o silêncio, com o olhar, com o AMOR, sobretudo, jamais pelo julgamento.

    ResponderExcluir
  33. gostaria de expor nesse espaço, a minha admiração pelo trabalho que está sendo feito pela nova administração de São Miguel do Gostoso... parabéns Fáfá, vc em pouco tempo de mandato retirou mais entulhos da nossa cidade, do que em um ano, da adm passada.... infelizmente seus coordenadores do lixo é que são um pouco arrogantes..

    ResponderExcluir
  34. zé ari é apessoa mais arogante bde são miguel do gostoso, sem falar que votou contra, mas em são miguelo é assim quemj é contra tem mais vez.

    ResponderExcluir
  35. fafá parabéns pela administração, apesar de algunhas escolhas erradas, por exemplo neidinha de gaspar como diretora, será que voce ñ ouviu o povo quando vc estava caminhando durante a campanha, a opinião é a mesma ela pensa que manda onde trabalha humilha as pessoas, esem falar que só falta pisar em quem conhece. fafá vc vai ser queimada por essa mulher, pois ela ñ sabe trabalhar, miguel teixeira que o diga.abre o olho.

    ResponderExcluir
  36. Gente, evangelicos e catolicos lugar de rezar, orar e dentro da igreja, coisa de som alto incomoda deus escuta a todos no silencio, não precisa BARULHO

    ResponderExcluir
  37. Que horror de comentários!!!! Nunca vi tanta insanidade!!! Vocês criticam os donos de pousada mas são eles que trazem trabalho para a população, é graças as pessoas vindas de fora que Gostoso está progredindo. Mais um detalhe: nunca vi tantos erros de ortografia, de concordância verbal e nominal entre outros erros. Como semi-analfabetos, distantes do mundo da leitura, podem se achar donos da verdade. Deus está dentro de cada um de nós e não dentro de igrejas construídas pelos homens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. distante do mundo vive flavio e julia, pois vieram la da cracolandia pra pousar de bacana em são miguel do gostoso.

      Excluir
  38. Foram muitas promessas feitas no período da campanha, e nada agora que está no poder, o que se ver são pessoas querendo emprego porque prometeram, com certeza muita gente já está decepcionada e isso foi só o começo, pois dessa mata é muito difícil de sair coelho, quer saber quem realmente são as pessoas é só da poderes a elas.

    ResponderExcluir
  39. Este comentário foi enviado por um leitor do noBalacobaco. Por um problema técnico, acabou excluído. Mas foi recuperado e agora está sendo republicado. Veja abaixo:
    Dessa vez os evangélicos perderam muito sua reputação. Que religião é essa que ora para o mal dos outros? Algumas pessoas me diziam que eles faziam orações para o mal e agora eu acredito. Se alguém não acreditar no que eu escrevo leia os outros comentários que lá está o dessa oração para o mal da tal pousada e seus frequentadores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E li o comentário acima e li o da tal oração para o mal. Ainda bem Emanuel que no seu blog os leitores não podem apagar o que escrevem. Me parece que há uma forte resistencia de nossa população em obedecer leis essas que vão contra seus interesses. Somos todos brasileiros e devemos respeitar nossas leis para que possamos viver em harmonia. Manda quem pode e obedece quem tem juizo.

      Excluir
  40. Aprendam a conviver com a diversidade. O Brasil é um país laico (sem religião oficial). Todos devem respeitar as leis. Não importa se é cristão, muçulmano, umbandista ou ateu. O seu direito termina quando começa o do outro. Vivo muito bem sem crer em deuses ou demônios.

    ResponderExcluir
  41. O que li aqui em todos os comentários um me chamou a atenção, o Da Senhorita Luciana, ela fala tanto de respeito, mais será que realmente ela dorme com a mente tranquila ? será que tudo que escreveu ela vive? Realmente acho que não... Sobre o barulho na cidade é triste mais é verdade, quando a denuncia vem de administrador ou empresário de alguma coisa na cidade atitudes são tomadas, isso não quer dizer que a Policia não haja em outros casos, mais é verdade que eles protegem sim todos aqueles que tem um pouco de dinheiro, infelizmente é o BRASIL, em exceto um dos donos de supermercado, pois já presenciei paredão ligado em Avenida de uma maneira absurda... Não sou de acordo brigar com os evangélicos pois tem coisas que se jogada aqui na rede social apodreceria toda a cidade e isso sim é um desrespeito a população e aos que chegam aqui.

    ResponderExcluir
  42. Oi, Anônimo, muito prazer, sou Luciana Balreira. Sim, durmo super tranquila todas as noites. Pago meus impostos, minhas contas, vivo às minhas custas, respeito, admiro e considero todos os meus colaboradores e convido você a uma auditoria no meu trabalho. Você topa? Também te permito fazer uma auditoria na minha vida pregressa e atual. Certamente, você não encontrará fichas criminais, roubos, danos, envolvimentos com entorpecentes, prostituição, desestruturações familiares ou afins. Mas, em contrapartida, encontrará muitos detalhes que contradirão sua pequena verdade sobre o que não domina. Marque a data: te espero!

    ResponderExcluir
  43. Sempre quem tem um clube uma boate lugares movimentados, fazem questão que o policiamento da cidade passe nestes locais, mas aqui em Gostoso existe lugares que os proprietários não permitem que a polícia faça ronda nestes estabelecimentos, e olha que de um desses locais já teve gente esfaqueada, olha está na cara com certeza, só deve existir algo de errado nisso aí, porque quem não deve não teme, e porque eu que sou dono de um desses locais não permito que o policiamento faça seu trabalho, é preciso que as autoridades do nosso Município tomem as providências e não deixem que isso aconteça, os caras veem de onde ninguém nunca ouviu falar, chegam aqui e querem comandar até com as leis.

    ResponderExcluir
  44. Se eu morasse nesse fim de mundo, que não conhço e nem tenho vontade de conhecer... "São Miguel do gostoso", isso é nome que se dê algum crédito? Aconselharia a todos os evangélicos que se mudassem dessa cidade. Não concordo da truculência desse suposto pastor. Mas, e se fosse um forró, um samba, uma festa junina, uma prossição? De fato, leis existem para serem cumpridas. Que tal os moradores dessa cidade deixarem o preconceito e passar a respeitar o povo evangélico? Afinal, se pode haver fastas seculares nas ruas porque não podem fazer cultos? Os evangélicos daí não pagam impostos como qualquer cidadão? Por favor, evangélicos se mudem dai e amaldiçõe essa cidade....quem sabe ela vira um pedaço do inferno! Passem bem seus caipiras!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Emanuel Neri comenta. O noBalacobaco não concorda nem um pouco com as declarações deste anônimo aí de cima. Liberou seu comentário por entender que deve ser livre o direito de manifestação, até mesmo quando está carregado de preconceitos, como é o caso acima. O cidadão aí de cima deve ser um tonto que fica arrotando bobagens pelos cantos. Seu discurso é extremamente conservador e ultrapasssado. Talvez pertença ao mesmo bloco fascistóide do deputado e pastor Marco Feliciano (PSC-SP) que, embora seja racista declarado e homofóbico radical, foi eleito para presidir a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados. São Miguel do Gostoso é uma cidade que tem os braços e a mente abertos para todos os credos, todas as ideologias, que entende que deve ser livre para qualquer pessoa a escolha da sua orientação sexual e que é focada no desenvolvimento e no futuro. São Migueldo Gostoso abraça os evangélicos da cidade da mesma forma que abraça os católicos. Nada contra os evnagélicos. Muito pelo contrário. O que a cidade reclama é que seja respeitada a legislação do país, que limita barulhos excessivos em áreas urbanas e públicas. Os cultos evangélicos são constestados quando eles são feitos, em qualquer rua e em qualquer hora do dia e da noite, com um volume do som daqueles que estoura ouvidos. Na grande maioria das vezes, os moradores não solicitaram tais cultos. Então por que vão ter que ouví-los? Quem quiser fazer culto evangélico, que faça em seu templos, como faz a Igreja Católica da cidade. Se quiser fazer custos ao ar livre tem que pedir o alvará da Prefeitura e a autorização da polícia. O resto é bobagens, que só cabem na cabecinha do cidadão aí de cima.

      Excluir
  45. A ditadura religiosa só prega o desrespeito e a intolerância.

    ResponderExcluir
  46. O FANATISMO deixa as pessoas SURDAS e CEGAS, BURRAS já são de NASCENÇA!!!!

    ResponderExcluir
  47. Ministro de música


    1. Toda pessoa tem o sagrado direito de frequentar os cultos e atividades da igreja e de sentir-se muito feliz, sereno, confortado, em qualquer idade.

    2. O ouvido tem alta sensibilidade e suporta confortavelmente, por uma, duas horas, no máximo, 50 decibéis. Passou disso, além do mal que faz à saúde, incomoda muito.

    3. Todo instrumento pode ser usado no louvor, mesmo sabendo que há aqueles próprios para o culto.

    4. Culto não é show.

    5. Não existe hino ou música velhos.

    6. É preciso selecionar hinos próprios para cada ocasião, com mensagem, poesia, melodia, harmonia, ritmo. Ritmos assincrônicos desorganizam a química cerebral. Derrubam pessoas e até muros. Josué 6:20 Juízes 7:18

    7. Fundo musical durante o culto não pode interferir, desconcentrar, incomodar; use-o com muita inteligência. Ninguém suporta um teclado dedilhado pra lá e pra cá, aleatoriamente. Se for um hino próprio para a ocasião, baixinho, tudo bem, mas notas soltas...nem pensar.

    8- A música tem o poder de mobilizar as estruturas mentais.


    9- Culto animado não é sinônimo de barulho. Reverência, participação, adoração, comunhão, consagração, dedicação, apontam para o equilíbrio. O templo não é um lugar sombrio, triste, com silêncio sepulcral, é um espaço de alegria, louvor, transformação, decisões.


    10- Se você faz parte da equipe de músicos, nunca fique se distraindo e brincando com os instrumentos no altar, após o culto.

    “E Quenanias, príncipe dos levitas, tinha cargo de entoar o canto; ensinava-os a entoá-lo, porque era entendido nisso.” 1º livro de Crônicas 15.22.


    Ivone Boechat

    ResponderExcluir
  48. de todas as pessoas eu creio que sou a pessoa mais habilitada para falar sobre esse tema, primeiro porque sou pregador de rua, há quase 10 anos, e concordo que um culto desse deve ser feito em locais não residenciais, como eu costumo fazer, em praças muito extensas em que o som se dicipa com a zuada do ambiente, carros, em suma em locais como terminais de onibus, sem residencias por perto, é claro que não é admissivel que as pessoas não possam descançar depois um periodo de trabalho, sem falar de crianças, quer dizer é imprudente pregar o evangelho pertubando a comunidade, isso só gera odio, e o afastamento de pessoas do evangelho, mais criar leis proibindo pregar o evangelho em locais como eu disse, é um crime terrivel,como diz a biblia se eles se calarem ate as pedras clamaram, o que acontece hoje é que tem pessoas que evangelizam, so que ate uma entrega de literatura gera nas pessoas um sentimento de rejeição quando alguem não aceita, a igreja gosta muito de pisar nessa tecla, e muitos saem na intenção de cumprir a vontade de Deus segundo a orientação dessa ou daquela religião, só que como eu disse, tem que ter sabedoria, simplesmente porque as pessoas persebem quando ao rejeitarem uma literatura aquela irmão ou irmão tem um comportamento de que a rejeição significa para muitos a maldição daquela pessoa, e o pior nem conhece a pessoa direito é já julga condenando-a, a propria religião cria na pessoa esse comportamento, eu digo isso porque não sou mais religioso, como disse o proprio billy Gram que Jesus esta acima da religição, já com 97 anos ele veio entender isso, e eu em tão pouco tempo venho a afirmando que jesus nunca pregou placa de denominação,

    ResponderExcluir